Expressando Beleza com Intenção | Portal Salão Brasil

Expressando Beleza com Intenção


08/09/2017 | Postado em Colunas

VISAGISMO: EXPRESSANDO BELEZA COM INTENÇÃO


A sua imagem diz algo sobre você e a maneira como você se veste, o corte de cabelo, maquiagem ou roupa e acessórios comunicam algo a seu respeito,
 por isso você precisa refletir sobre o que você quer expressar sobre si mesmo antes de decidir como vai se apresentar.

Às vezes temos uma impressão de uma pessoa, e quando surge uma  oportunidade de convivência, percebemos que a impressão que  ela está passando não condiz com quem de fato ela é em sua essência.

Com toda a certeza, o corte de cabelo, a maquiagem, roupas e acessórios que a pessoa está usando, está comprometendo ou informando algo sobre a maneira como é percebida. E mais do que o que vêm é o que ela mesmo vê diante do espelho e como isso pode afetar ou influenciar seu comportamento.

VISAGISTA trabalha de uma forma direcionada, realiza o trabalho com intenção de expressar algo. Usa o processo criativo para interpretar a imagem de tal maneira que a intenção do cliente seja traduzida em sua imagem.

O Visagismo tem um princípio que norteia e seu embasamento está no conceito fundamentado pela Escola de BAUHAUS: A FUNÇÃO DEFINE A FORMA.

Fundada em 1918 por Walter Gropius com o objetivo de  unir as artes em favor da discussão e construção de uma mesma linguagem. A partir de Bauhaus todas as artes aplicadas passaram a falar a mesma língua.

Quando se pensa primeiro na função de qualquer coisa a ser criada, sua forma será determinada para alcançar a tal função.

Neste caso, a beleza não é o objetivo principal e pode contribuir para a imagem final.

A FORMA SEMPRE SEGUE A FUNÇÃO

A Função define o Conceito e a Forma

O que aquela imagem vai transmitir tem que ser pensado e está acima da ideia de ser bonito.

Antes de criar a imagem, temos que refletir sobre o que essa imagem vai expressar… e se assim criamos, consequentemente a imagem vai ter harmonia e estética.

A imagem realizada sem intenção nos coloca na condição de artesãos, mas com intenção de expressar algo, nos torna artistas, criadores da real beleza…

Unir o belo (essência) e o bonito (estética) é o ideal para criar beleza com harmonia.

“Não existe ética sem estética e não existe estética em ética.

A ética é a beleza do caráter.

A estética é a benignidade dos contornos.

Há aqueles que em seu esforço ético privaram-se dos padrões estéticos e há aqueles que em seu esforço estético, perderam-se nos padrões éticos.”

Lígia Lima – Consultora em Visagismo

© 2017 Salão Brasil - Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por M2R Digital